Ciclismo nacional de luto, Eduardo Euzébio nos deixou

E, de esperança, de estrela…De Eduardo Euzébio!

Eduardo_EuzebioCom um currículo de títulos e vitórias que é proporcional ao esforço, dedicação e treinos deste atleta, infelizmente, lá se vai mais uma Vida! Levou junto com ele um pouco do brilho de nossa pequena, porém valiosa constelação de ciclistas.

Na semana que vem, Euzébio se juntaria ao seleto grupo que compõe a seleção brasileira de pista permanente. Só neste ano ele foi campeão brasileiro na prova dos 200 metros e, repetindo o ano passado, sagrando-se bicampeão na prova de perseguição individual. Um atleta de elite, que tinha tudo para acalentar o sonho nacional de medalha olímpica, no terceiro esporte que mais premia, o ciclismo.

Uniforme amarelo e óculos da Lampre, é ele, Eduardo Euzébio!

Uniforme amarelo e óculos da Lampre, é ele, Eduardo Euzébio!

O fatal acidente aconteceu a 10 km do pedágio das praias, na BR 277. Na divisa entre as cidades de São José dos Pinhais e Morretes, onde existe um contorno operacional – o local é conhecido como, “Quebrado”. O Euzébio foi recolhido por um Clio, por volta das 10h30min da manhã de hoje. Ainda consciente e conversando foi levado ao pronto socorro do Hospital Cajuru. Não resistindo aos ferimentos, cuspindo muito sangue, acabou falecendo. Neste instante, não há como escrever sem gotejar o teclado de lágrimas…

A vivacidade, a alegria, aquela felicidade de quem faz o que gosta – e também por isto, faz tão bem feito -, e justamente por ser a pessoa certa, fazendo a coisa certa, tinha a confiança no nato talento, no dedicado esforço e no consequente encontro com a vitória.

A foto que, por um bom tempo, ele usou na capa do FB. Tirada em 13 de novembro - há praticamente 1 ano - no Grande Prêmio Acyr de Lima

A foto que, por um bom tempo, ele usou na capa do FB. Tirada em 13 de novembro – há exatamente 1 ano – no Grande Prêmio Acyr de Lima

Quando a gente conversa, fotografa e observa os colegas, só enxerga a mais promissora e ascendente rampa na vida e na carreira esportiva e, neste caso, como receber e, pior, dar a notícia da morte de alguém cujo horizonte era pura glória?

A toda família, amigos e colegas nossos pêsames.

Consternado, para dizer o mínimo, olhando para o monitor, para a bike e lembrando do Euzébio.

Comentários

Comentários

Powered by Facebook Comments

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Ciclismo nacional de luto, Eduardo Euzébio nos deixou