Fundada a Associação de Ciclistas do Alto Iguaçu

Curitiba, que na propaganda é a Capital Ecológica, no dia a dia de quem precisa se locomover já se tornou a Capital do Caos Motorizado – segundo o censo do IBGE 2010, Curitiba é a capital com maior número de veículos por habitante. O transporte coletivo que no passado já foi considerado modelo, hoje obsoleto e um dos mais caros do Brasil, atende precariamente seus usuários.

É nesta realidade que nasce a Associação de Ciclistas do Alto Iguaçu, com mais de 50 associados assinando a ata de fundação, em ato ocorrido neste domingo, dia 22 de maio, às 16 horas no Solar do Barão. Data que marca também o encerramento da exposição MOB – Arte, Bicicleta e Mobilidade.

Plá, o Cantor das Bicicletas, mais um ilustre fundador da Associação de Ciclistas do Alto Iguaçu

A Associação tem sua origem num movimento coletivo e espontâneo, a Bicicletada, dela saem seus principais idealizadores. Jaques Brand, um deles, em seu animado discurso destacou a importância da Bicicletada enquanto embrião da Associação. Já Tiago Assunção, advogado e mestre em Educação, destaca o papel cultural e de conscientização que a entidade irá desenvolver, ele que será um dos coordenadores do Núcleo de Educação. Carlos Bellotto, coordenador do Ciclovida da UFPR, pautou uma primeira grande ação: divulgar de maneira ostensiva o Artigo 58 do Código de Trânsito que determina a preferência das bicicletas em vias que não existam ciclovias ou ciclofaixas.

Vale destacar que em recente pesquisa do IPEA – Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada – são apresentados dados que se referem a uma média nacional das grandes cidades, nela apenas 1,64% das pessoas utilizam a bicicleta para seus deslocamentos diários. Este número poderia ser significativamente maior se houvessem vias para bicicletas e uma cultura de respeito aos ciclistas.

Jaques Brand, um dos pioneiros do cicloativismo em Curitiba

Como destaca Jorge Brand, “a Associação tem por objetivo fomentar a Cultura da bicicleta e também servir de um canal de diálogo com o poder público da cidade”. Reforçando esta ideia, o poeta e organizador dos trâmites legais da Associação, Rodolfo Jaruga, falou da importância e significado que a entidade traz à luta por melhores condições para os ciclistas.

Na próxima sexta-feira, dia 27 às 19 horas na reitoria da UFPR, acontecerá mais uma reunião na qual será finalizado o Estatuto e também composta a diretoria. Todos os ciclistas que tiverem interesse em participar e contribuir estão convidados. Sábado (28/05) pela manhã, como em todo último sábado do mês, acontece a BICICLETADA, concentração às 10h no pátio da UFPR, de onde os ciclistas saem em passeio pelas principais ruas do centro de Curitiba.

Comentários

Comentários

Powered by Facebook Comments

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Fundada a Associação de Ciclistas do Alto Iguaçu